‘Abusados’ que estacionam em vagas preferenciais começam a ser multados em Campo Grande, MS

22/05/2015 at 10:39 (*Liberdade e Diversidade)

vagas preferenciaisMPE interviu na situação e ‘espertinhos’ serão multados. (Foto: Leonardo de França/O Estado MS)

22 de maio de 2015

Amanda Amaral – O Estado MS

A partir da próxima semana, serão multados os veículos que ocuparem irregularmente as vagas de estacionamento reservadas a idosos e pessoas com deficiência em comércios de Campo Grande. O acordo foi feito entre o MPE (Ministério Público Estadual), Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito de Campo Grande), Detran (Departamento Estadual de Trânsito) e representantes de estabelecimentos – dentre eles, shoppings e supermercados – da Capital.

Com os representantes dos centros comerciais o assunto já foi debatido e será firmado um Termo de Convênio de Fiscalização para que a Agetran e o Bptran (Batalhão de Policiamento de Trânsito) possam garantir que as vagas especiais, tanto em estacionamentos pagos como em públicos, sejam utilizadas somente por quem precisa. Nesta semana, por exemplo, o MPE e representantes dos órgãos de trânsito reuniram-se com a AMAS (Associação Sul-Mato-Grossense de Supermercados) para debater o projeto.

A assinatura do documento acontece na quinta-feira (27), quando então o trabalho dos agentes fiscalizadores começa. Enquanto isso, cabe aos estabelecimentos adequarem a sinalização das vagas e, aos agentes, avisar à população sobre regra.

A lei de respeito às vagas preferenciais já está prevista no CTB (Código de Trânsito Brasileiro) – lei 9.503/97, em seu Art. 181, inciso XVII. A Agetran informou, no entanto, que o acordo foi necessário para que a fiscalização seja mais eficaz e de forma a não criar conflitos com comerciantes.

Quem realmente precisa da vaga afirma que é comum perceber que o espaço está sendo ocupado irregularmente. “É rotineiro, sempre tem a pessoa que estaciona ali e faz de conta que não está errado, porque geralmente são últimas vagas disponíveis em um estacionamento lotado”, diz o vendedor Jurandir Rodrigues, 44, que é portador de necessidades especiais.

Na manhã de ontem, logo que a reportagem chegou a um supermercado na região central da Capital, um rapaz saía do estabelecimento em direção ao seu veículo, uma camionete que ocupava o espaço não apenas de uma, mas duas vagas especiais. O motorista, que não quis se identificar, se irritou com a abordagem e disse: “ah, o problema é meu! Só parei aqui só pra pegar um negócio rapidinho, todo mundo faz isso”.

Luiz Carlos Antônio, 63, estacionou na vaga logo após a saída do motorista que cometeu a irregularidade e não teria onde parar caso o supermercado estivesse lotado. “Eu iria me conformar e tentar achar outro lugar, talvez nas proximidades. Se for encrencar, é briga todo dia”, disse o aposentado.

***

*Comentário do blog: Já estava na hora,né?

*****

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: