Risco de transmissão de raiva é maior na região pantaneira, aponta Iagro

27/04/2015 at 10:11 (*Liberdade e Diversidade)

raivaCinco municípios de Mato Grosso do Sul são monitorados pela agência constantemente (Foto: Leonardo de França)

27 de abril de 2015

Jones Mário – O Estado MS

As cidades de Corumbá, Coxim, Ladário, Pedro Gomes e Rio Verde de Mato Grosso formam o que a Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) chama de área de risco do vírus da raiva no Estado. Caracterizada por conter um alto número de cavernas, a região do Pantanal abriga colônias de morcegos hematófagos, que se alimentam de sangue e também são vetores da doença. Conforme a instituição, 850 animais da espécie foram capturados para testes nos arredores destes municípios neste ano.

O coordenador de controle da raiva da Iagro, Fábio Shiroma de Araújo, cita que, além dos 19 casos de raiva canina detectados em Corumbá e Ladário – a 417 km de Campo Grande –, um bovino da área rural da “cidade branca” também manifestou o vírus. A ocorrência foi no Assentamento Tamarineiro e, segundo Araújo, foi causado pela mordida de um morcego hematófago.

“Existem dois ciclos da doença na região, o rural e o urbano. O rural tem como vetor o morcego hematófago, que contamina os animais que vivem no campo, como é o caso do bovino. Já o urbano é transmitido em maioria entre cães, mas há também a transmissão por cães e por morcegos herbívoros”, explica o especialista. Em Corumbá e Ladário, neste ano, pelo menos 14 mil cães e gatos já foram vacinados contra a raiva animal.

SES descarta alterar cronograma de combate ao vírus

A confirmação de um caso de raiva humana na cidade de Corumbá, na semana passada não altera o planejamento da SES (Secretaria de Estado de Saúde) no combate à patologia viral no restante dos municípios. De acordo com a pasta, apenas a já citada Corumbá e sua vizinha Ladário recebem atenção diferenciada, onde foram detectados ao menos 19 casos de raiva canina, respectivamente.

A SES informou por meio de assessoria que alguns municípios solicitaram doses extras da vacina antirrábica, porém a pasta ainda vai analisar a viabilidade de atender ao pedido, visto que a disseminação do vírus está sob controle. A secretaria alega que o distanciamento das cidades de Corumbá e Ladário em relação ao restante do Estado é benéfico para o isolamento da doença. Os municípios da região pantaneira passaram por procedimento protocolar de imunização, com rastreamento do perímetro onde foram encontrados animais com o vírus.

Na Capital, 915 pessoas tiveram contato de risco com transmissores da raiva neste ano

Conforme a médica veterinária do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) de Campo Grande, 915 pessoas foram atendidas neste ano após serem agredidas por cães e gatos ou entrarem em contato com morcegos e animais de produção, como os bovinos. Os atingidos passam por tratamento profilático contra a doença, que consiste em combater sua eventual manifestação com imunobiológicos – medicamentos que estimulam a produção de anticorpos.

Já a médica veterinária da central de controle da raiva do CCZ, Ana Paula Nogueira, detalha que 1,2 mil gatos e 773 cães já foram vacinados contra a doença neste ano na Capital. A profissional explica ainda que o procedimento é gratuito e feito no local das 7h às 21h durante todos os dias da semana.

Conforme a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública), agentes de endemias do CCZ trabalham contra raiva em cães e gatos num raio de 300 metros próximos aos locais onde foram identificados cinco morcegos, com quatro numa mesma colônia, infectados com o vírus da raiva. A iniciativa vai cobrir o perímetro de nove quadras da avenida Afonso Pena desde a esquina com a rua Artur Jorge.

*****

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: