Davos: Relatório mostra onde moram os ‘mais ricos dos mais ricos’

25/01/2015 at 15:26 (*Liberdade e Diversidade)

logo do forum economico1Logo do Fórum Econômico Mundial é visto na janela do centro de convenções de Davos, na Suíça (Foto: Christian Hartmann / Reuters)

Obviamente, bilionários como Bill Gates, Waren Buffet e Mark Zuckerberg fazem parte deste 1%

25 JAN2015

BBC BRASIL.com / Terra Brasil

O Fórum Econômico Mundial chegou ao fim com muitas discussões sobre a crescente desigualdade e referências ao “1% mais rico”. O Relatório da entidade Oxfam causou polêmica ao prever que o grupo de 1% das pessoas mais ricas do mundo possuirá, em breve, mais do que o resto da população mundial. A estimativa foi baseada em pesquisa do banco Credit Suisse, que estimou a riqueza total das famílias em todo o mundo em 2014 em US$ 263 trilhões (R$ 678 trilhões).

Isso é riqueza, não renda. É calculado como ativos menos dívida.

Obviamente, bilionários como Bill Gates, Waren Buffet e Mark Zuckerberg fazem parte deste 1%. Mas quem mais? Segundo o Credit Suisse, outras 47 milhões de pessoas – todas com uma riqueza equivalente ou superior a US$ 798 mil (R$ 2,06 milhões)

Isso inclui muitas pessoas em países desenvolvidos que não se consideram ricas, mas que possuem uma casa quitada ou já tenham pago parte significante de suas hipotecas.

Entre elas, estão 18 milhões de pessoas nos Estados Unidos, o país com maior número de integrantes no grupo do 1%.

http://terratv.terra.com.br/trs/video/7740413

Davos: pedômetro transforma passos em doação de bicicletas

São 3,5 milhões na França, 2,9 milhões no Reino Unido e 2,8 milhões na Alemanha. A Alemanha tem a maior economia da Europa e a razão por ter menos pessoas ricas, segundo o Credit Suisse, é que tem níveis menores de pessoas com casa própria.

Há dois países asiáticos com mais de 1 milhão de pessoas entre as mais ricas: Japão (4 milhões) e China (1,6 milhão).

O país com a maior proporção de integrantes em relação à população é a Suíça: um em cada dez – ou 800 mil dos 8 milhões – tem patrimônio superior a US$ 798 mil.

 http://terratv.terra.com.br/trs/video/7736537

Petróleo, conflitos e desafios tecnológicos em Davos 2015

Mas o relatório do Credit Suisse não conta a história inteira, já que não leva em conta o custo para comprar bens em cada país, por exemplo. Meio milhão de libras pode comprar um apartamento de um quarto no centro de Londres, mas em outros países compra uma mansão. O estudo também não leva em conta a renda.

Já para estar entre os 10% mais ricos, é necessário ter US$ 77 mil em ativos (R$ 198 mil). E para figurar na metade de cima dos mais ricos do mundo é preciso US$ 3.650 (R$ 9.408).

SAIBA MAIS

Joaquim Levy vai a Davos para participar do Fórum Econômico

Entenda por que a reunião de Davos é importante ao Brasil

Com ajuste fiscal, Brasil tenta atrair investidores em Davos

Davos: Fórum Econômico Mundial acumula previsões equivocadas

 

*****

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: